Pescadores são presos e têm veículos e tralha confiscados

A área fiscalizada é de responsabilidade do Comando Regional 8

Seis pescadores foram presos em flagrante durante operação deflagrada pela Polícia Militar na região de Juína (735 Km a noroeste de Cuiabá) onde foram aprendidos 2 barcos novos com motores de popa e 2 veículos e 2 carretinhas para barcos. Os PMs também apreenderam na região conhecida como Guatá (cerca de 320 km de Colniza), 9 armas de fogo, entre elas, 5 espingardas, 3 revólveres e 1 pistola além de 14 munições intactas.

A operação que começou no dia 27 de julho prossegue até esta quarta-feira (03) já abordou mais em toda a região Noroeste mais de 130 pessoas até o momento. Isso resultou na emissão de 45 notificações, 27 veículos apreendidos em um total de 90 abordagens.

Com um efetivo de aproximadamente 15 homens os policiais militares comandados pelo Capitão da PM Sebastião Taques que liderou os cerca de 15 PMs entre eles agentes ambientais, lembra que também foram apreendidos certa quantidade de pescado com marcas de rede e carcaças de animais abatidos em caça ilegal, dos quais 1 porco do mato e 4 jacarés, além de um uma rede, uma tarrafa, 4 espinhéis e dezenas de varas de pesca, molinetes e carretilhas. A áerea fiscalizada é de responsabilidade do Comando Regional 8, chefiado pelo Coronel PM Costa.

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.