Mônaco se mobiliza para salvar bebê-baleia


O principado de Mônaco se mobilizou nesta sexta-feira (20) para salvar Désirée, um filhote de baleia agonizante que há uma semana vaga pela Côte d’Azur. Uma equipe de resgate tenta atrair
o animal em direção a uma espécie de berçário flutuante para alimentá-lo e cuidar de seus ferimentos. O príncipe Albert II de Mônaco ordenou a criação de uma “célula de crise”.

A última operação de resgate foi realizada nesta sexta-feira à tarde entre Mônaco e Roquebrune-Cap-Martin, localizado a alguns quilômetros a leste do principado, e envolveu membros da polícia marítima e dos bombeiros. As chances de salvar Désirée, nome dado ao filhote de oito metros de comprimento e quatro toneladas, são “ínfimas”, segundo encarregados dos esforços de resgate.

rorqual.jpg

Foto Ilustrativa



“É um pequeno rorqual (baleia filtradora) de seis meses de idade que se perdeu de sua mãe durante a amamentação. Por isso ainda não aprendeu a buscar alimento no fundo do mar e está a ponto de falecer”, lamentou Mike Riddell, funcionário da Reserva Internacional Marítima no Mediterrâneo Ocidental (RIMMO). “Desde domingo estamos seguindo o animal, que se desloca lentamente. Quatro barcos tentaram se aproximar sem assustá-lo para que entre na estrutura de redes atadas aos flutadores”, explicou Riddell.

A estrutura será posteriormente levada para uma zona protegida para permitir que o animal receba os cuidados necessários. “Nós o alimentaremos com sondas gástricas. Não poderemos fabricar leite de baleia, mas lhe daremos peixes pequenos com vitaminas. Se ela aceitar os quatro primeiros quilos, aumentaremos as quantidades”, disse Riddell. O cetáceo deve ainda ser untado com uma espécie de creme à base de óxido de zinco para evitar os efeitos do sol, já que nada muito próximo à superfície. (Globo Online)

Rorquais
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Subclasse: Eutheria
Ordem: Cetacea
Subordem: Mysticeti
Família: Balaenopteridae

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.