Mato Grosso – Esquema de pesca desmontado por PM e Sema

[ad#banner_468_60] Após serem recebidos à bala na sexta-feira, policiais militares conseguiram desarticular um esquema de pesca irregular no rio Cuiabá. Uma ação conjunta com a coordenadoria de Fiscalização da Pesca da Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema) resultou na apreensão de cerca de 160 quilos de pintado vivo, escondidos em sacos dentro do rio Cuiabá, na região conhecida como Barranqueira. A apreensão ocorreu ontem de manhã.

Segundo o coordenador da fiscalização da Sema, Marcelo Cardoso, este esquema foi inventado pelos infratores para tentar driblar a fiscalização, sobretudo durante a piracema. Explicou que os sacos são feitos com telas, onde o pescado é colocado ainda vivo.

Os sacos são amarrados em pedras e jogados longe do barranco para que não sejam levados pela correnteza. O peixe, então, só é retirado do rio quando os atravessadores ligam para os pescadores informando que possuem compradores.

Ontem pela manhã, ao encontrarem os sacos, os fiscais da Sema foram novamente agredidos com pedras. O pescado seria solto no rio Cuiabá, já que está em período de maturação das ovas. Entretanto, isso não foi possível devido aos inúmeros machucados que possuem. A pesca em Mato Grosso está proibida desde o início deste mês até fevereiro próximo.

ADILSON ROSA
Da Reportagem

Veja também

Projeto Prorobalo Unesp de Registro capacita guias de pesca

É promovida a prática da pesca amadora responsável Projeto da Unesp de Registro vem promovendo …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.