Filho de presidente de associação preso por pesca ilegal em Coxim

Pesca IlegalOntem, às 20h, a Polícia Ambiental de Coxim flagrou dois homens pescando na ponte do Rio Taquari, que fica no centro de Coxim, cidade a 260 quilômetros de Campo Grande, o que é proibido durante período de Piracema.

Um dos rapazes é filho de Armindo Batista dos Santos Filho, conhecido como Batista Pescador, presidente da Colônia de Pescadores de Coxim e membro da Federação de Pesca de Mato Grosso do Sul.

Segundo a Polícia, os amigos estavam com redes no rio quando uma equipe chegou e flagrou os dois. Marcos Charles Monteiro Batista foi preso e o outro, não identificado, fugiu do local.

Enquanto o policial recolhia a rede de pesca, Marcos também conseguiu escapar, mas bateu em uma cerca de arame enfarpado. Ele teve várias lesões e foi encaminhado à Santa Casa de Coxim, mas já recebeu alta.

Marcos vai responder pelo crime ambiental de pesca predatória, que prevê pena de 1 a 3 anos de prisão.

Fonte = Campo Grande News

Do Guia da Pesca = Faltou a informação se o Marcos ( filho do presidente) não possui a carteira de pescador , com direito ao seguro defeso.

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.