São Mateus – Após naufrágio, pescadores voltam para casa

Um final de semana de lazer, em alto mar, quase virou tragédia para dois amantes da pescaria. Na tarde de domingo (15), dois homens saíram para pescar nas águas da praia de Barra Nova no município de São Mateus, litoral Norte capixaba. A mais de 5,5 km da costa a lancha de seis metros em que eles estavam naufragou e os dois ficaram dentro d’água à espera de resgate.

Neraci Pereira Guedes, 44 anos, e Fábio Coelho Santana, 26, passaram cerca de quatro horas no mar. Os dois usavam coletes. “A gente começou a ficar preocupado. Já estava escurecendo e o resgate não chegava. Ficamos muito apreensivos“, conta Fábio.

O acidente aconteceu por volta das 14h30 da tarde de domingo. Nesse horário, uma forte onda atingiu a lancha. Como o peso da carga de peixes estava mal distribuído, a água invadiu o barco que afundou. Antes de se atirarem ao mar, os dois pescadores conseguiram fazer uma ligação de celular, para a Associação de Moradores de Barra Nova, pedindo socorro. Minutos depois, quatro embarcações pesqueiras saíram em busca dos desaparecidos.

O Corpo de Bombeiros e a Capitânia dos Portos participaram do resgate. Um helicóptero da PM foi usado nas buscas. Foram os tripulantes da aeronave que encontram os pescadores. “Já havia passado um rebocador, mas como estávamos dentro d’água ninguém nos viu. Ficamos aliviados quando o helicóptero chegou para nos tirar do mar“, conta Fábio.

Pescadores de Barra Nova ajudaram na busca e nas coordenadas para que os dois pescadores fossem encontrados. “Acionamos todos os barcos de pesca que estavam na região e chamamos o Corpo de Bombeiros. A Capitânia dos Portos de Vitória também nos ajudou muito no resgate dos companheiros“, relata Rogério do Rosário, um dos pescadores que participaram das buscas.

Apesar de passar quatro horas em alto mar, as vítimas do naufrágio foram encontradas em bom estado de saúde. Neraci e Fábio receberam atendimento médico quando chegaram em terra, mas não precisaram ser hospitalizados.

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.