Programa da Superintendência do Maranhão aproxima a ação do governo com pescadores e aquicultores

A Superintendência da Pesca e Aquicultura no Maranhão (SFPA/MA) continua realizando visitas aos municípios maranhenses. O propósito é estar mais perto dos pescadores e aquicultores, propiciando informações necessárias para o desenvolvimento destas importantes atividades econômicas.

A equipe da SFPA/MA esteve na colônia no município de Axixá, reunida com pescadores e divulgou as ações do Ministério da Pesca e Aquicultura em execução no Maranhão. Na oportunidade foi dado destaque ao Programa Revitaliza que objetiva promover a reforma, modernização, substituição e finalização de obras de construção em embarcações de pesca de pequeno porte da frota pesqueira artesanal.

“O enfoque ao Revitaliza se deu em função da existência de um estaleiro artesanal localizado na sede do município, assim, torna-se imprescindível despertar o espírito empreendedor dos nossos pescadores e aquicultores maranhenses, buscando as linhas de crédito disponíveis, como as do PRONAF, dando as condições necessárias para o fortalecimento das atividades pesqueiras”, relatou o superintendente do MPA no Maranhão, Jesuino Cordeiro Junior.

Ainda em viagem ao interior do Estado a equipe da Superintendência visitou o povoado de Sertãozinho, localizado no município de Icatú – MA, onde fiscalizaram o projeto de instalação da Fábrica de Gelo, constatando o andamento da obra com o preparo do terreno e a instalação do ponto de energia elétrica trifásica e de água potável. A Fábrica contribuirá para a redução dos custos do gelo para os pescadores e aquicultores, que atualmente compram o produto de fornecedores a um preço elevado.

Segundo um dos associados do sindicato, a comunidade do Sertãozinho espera com ansiedade, considerando que o gelo disponível é feito em congeladores e frízeres e quando se quer em quantidade maior se paga caro e ainda mais que o povoado conta com um trapiche, onde atracam várias embarcações que também serão beneficiadas pelo empreendimento.

REVITALIZA

O Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) está disponibilizando R$ 1 bilhão em financiamentos, no âmbito do programa Revitaliza, para reforma de embarcações das frotas pesqueiras artesanais de camarão sete barbas, lagosta, pargo, atum e polvo. Na primeira etapa do programa, poderão ser contemplados com financiamentos cerca de 10 mil proprietários de barcos.

Os empréstimos poderão variar de acordo com a necessidade de reforma de cada embarcação, sendo no mínimo R$ 10 mil até R$ 130 mil com juros de 2% ao ano e carência de três anos para início dos pagamentos. Para obter os recursos, que serão repassados pelos bancos oficiais do governo, os pescadores precisam ser cadastrados no Pronaf e cumprir algumas exigências do MPA.

MPA

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.