Pescadores artesanais acampam em Brasília

Brasília – Pescadores artesanais acampam hoje (28) em Brasília para discutir políticas públicas para o setor. Eles vão participar da 1ª Conferência Nacional da Pesca Artesanal, onde pretendem denunciar o privilégio dado à pesca industrial e à aquicultura.

Os pescadores artesanais argumentam que a produção de camarão em comunidades do Nordeste destrói áreas de proteção permanente, como manguezais. Outros empreendimentos, como hidrelétricas, ameaçam territórios pesqueiros com a diminuição e o desaparecimento de espécies, da vegetação natural e a contaminação do solo e das águas.

Hoje haverá entrevista coletiva no estacionamento do Estádio Mané Garrincha. A conferência, organizada pelo Movimento dos Pescadores Artesanais, a Articulação Nacional das Pescadoras, o Movimento Nacional dos Pescadores e a Confederação dos Sindicatos dos Pescadores Artesanais, termina quarta-feira (30).

Da Agência Brasil

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.