Pescado o maior peixe da história do lago Paranoá

carpa-lago-paranoaPouco antes das 5h desta quarta-feira (7/01), um peixe de 27kg foi pescado no Lago Paranoá, em área próxima à Unieuro. A carpa prateada, usada no projeto de despoluição há mais de 10 anos, mede 1,20 m. Antes desse, o maior peixe pescado no lago pesava 15kg – foi em 1997.

O pescador, Sebastião do Cais, preencheu a ficha do desembarque pesqueiro, em que devem constar a quantidade e características marcantes dos peixes capturados. Ao notarem o peixe, os funcionários do local contataram ao responsável pela fiscalização, o gestor ambiental Israel Laurindo de Souza – sargento da Polícia Militar cedido à Polícia Ambiental –, que foi em busca do peixe.

Laurindo encontrou o pescador no setor Q, em Ceilândia Norte, carregando a carpa em uma moto. “Ele estava prestes a vender o peixe. Aí comprei, porque não podíamos deixar de guardar uma relíquia dessas”. O preço pago pela espécie foi R$ 150. A intenção do gestor é doar o peixe à Companhia de Saneamento Ambiental do DF (Caesb).

O superintendente da Caesb, Fernando Starling, já avisou que vai preservar a carpa em formol. “Tenho na parede da minha sala aquele que, agora, é o segundo maior. Vamos guardar esse também”.

Carpa Prateada: ( Hypophthalmichthys molitrix )
De origem chinesa apresenta crescimento rápido, sendo uma boa espécie, também para o policultivo; juntamente com a Carpa Cabeça-grande e a Capim. É uma espécie fitoplanctófaga, que possui uma importante propriedade que é a alimentação (aparelho especial de filtragem nos arcos branquiais). Sua principal alimentação são as algas pequenas.

Veja também

unesp-guias-de-pesca

Projeto Prorobalo Unesp de Registro capacita guias de pesca

É promovida a prática da pesca amadora responsável Projeto da Unesp de Registro vem promovendo …