Pesca: Maioria dos países não cumpre acordo mundial de combate à captura excessiva

Treze anos depois de se terem estabelecido os padrões para a pesca mundial, as Nações Unidas concluíram, num relatório divulgado hoje, que a maioria dos países não respeita o acordo de 1995 que limita a atividade de pesca excessiva.

Só a Noruega, Estados Unidos, Canadá, Austrália, Islândia e Namíbia cumprem a lei internacional de combate à pesca excessiva, atingindo uma classificação acima de 60 por cento na avaliação.

” A conclusão que chegámos é muito preocupante: nem os países com classificação positiva têm um comportamento bom “, disse Tony Pitcher, co-autor do relatório.

O porta-voz do Programa Ambiental norte-americano, Nick Nuttall, acrescentou que o fenômeno da ” pesca excessiva mostra que os países estão falhando no relacionamento entre a ecologia e as necessidades diárias de milhões de pessoas “.

De acordo com o relatório, ” é preciso um código de pesca global “, quer seja um ” tratado mundial ” quer seja pela ” adoção de leis globais pelos vários sistemas nacionais “.

Foram analisadas as práticas de pesca de 53 países, que representam 96 por cento da captura mundial de pescado.

Veja também

Projeto Prorobalo Unesp de Registro capacita guias de pesca

É promovida a prática da pesca amadora responsável Projeto da Unesp de Registro vem promovendo …

um comentário

  1. Na verdade só gostaria de saber qual os dois paises que mais pescam no mundo.Se possivel informar tambem a %.Agradeço mesmo sem sucesso,e parabens pelo site bem completo tudo que se precisa p/ um pescador esportista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.