Operação Piracema II apreende mais de 200kg de peixe em Pernambuco

Todos os infratores foram autuados e as gaiolas e redes sem proprietários foram incineradas

Entre os dias 21 e 26/02, aconteceu a operação Piracema II, que tem o objetivo de proibir a pesca do peixe que leva seu nome. Fiscais do Ibama estiveram nas cidades pernambucanas de Parnamirim, Santa Maria da Boa Vista, Ouricuri, Petrolândia e Floresta. Feita a vistoria em 147 canoas, foram apreendidos uma viatura, um motor de rabeta e 43.800 metros de rede. Dos mais de 200 kg de peixe apreendidos, 140 foram doados e 96 devolvidos ao rio. Um auto de infração foi lavrado no valor de R$ 1.500.

No dia 8/02, foi concluída a operação Piracema I. Nesta primeira etapa, a vistoria foi feita em Arcoverde, Belém do São Francisco, Gravatá, Itacuruba, Petrolândia, Petrolina, Vitória de Santo Antão e Ibimirim. Na ocasião, foram fiscalizados seis veículos (três deles apreendidos) e 38 unidades produtoras de pescado, sendo lavrados 16 autos de infração no valor de R$ 206 mil e 23 termos de apreensão e retidos um barco e três caminhonetes, mais de 14 mil metros de redes de pesca, duas armas longas, mais de 2,5 mil kg de pescado, dois jabotis e mais de 250 aves. Todos os infratores foram autuados e as gaiolas e redes sem proprietários foram incineradas.
Ascom Ibama/PE
Foto: Antônio Luís

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.