Operação de combate à pesca predatória na Ilha do Bananal flagra caça de jacarés

Palmas – O Ibama e a Polícia Militar Ambiental de Tocantins realizaram na semana passada uma operação de combate à pesca predatória na região da Ilha do Bananal, a maior ilha fluvial do planeta, onde esta localizado o Parque Nacional do Araguaia. Durante a operação, os servidores do Ibama e policiais militares conduziram para a delegacia de Dueré, um grupo de cinco pessoas com as quais foram encontrados quatro jacarés abatidos.

Além dos jacarés, foram apreendidos na operação 70 quilos de pescados, um motor de popa do tipo rabeta, 50 metros de redes de pesca e 19 St de lenha de origem nativa, desacobertada de DOF. A região fiscalizada abrange sete municípios do estado do Tocantins. As multas aplicadas pelo Ibama somam pouco mais de R$ 36 mil.

O chefe da fiscalização do Ibama no estado, Lenine Barros Cruz, avalia que “coibir a pesca predatória e a caça ilegal nessa região, aproveitando para ajudar na proteção das áreas de entorno do Parque Nacional do Araguaia é importantíssimo, especialmente nessa época da seca, em que as praias aparecem no Rio Araguaia, atraindo turistas principalmente oriundos de Brasília e Goiânia aumentando a pressão sobre a fauna e os recursos pesqueiros.”

Ibama/TO

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

um comentário

  1. osvaldo de souza rebechhhhi

    A policia tem que bater em cima mesmo se naõ acaba ai e tarde mesmo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.