Movimento Cultivando Água Boa reúne 300 mil pessoas no Paraná

Foz do Iguaçu (PR) – O programa Cultivando Água Boa já envolve cerca de 300 mil pessoas num processo de desenvolvimento sustentável. A informação foi dada hoje (20) pelo diretor de Coordenação e Meio Ambiente da Usina de Itaipu, Nelton Friedrich, no encerramento do 6º Encontro Cultivando Água Boa, que reuniu em Foz do Iguaçu, durante dois dias, 4,3 mil participantes.

São protagonistas de uma rede que atua em 29 municípios localizados na Bacia Hidrográfica do Paraná 3, no oeste do Paraná. Há seis anos, não dava para imaginar 500 quilômetros de cerca com mata ciliar, 10,4 mil educadores ambientais atuando na região, 1,7 mil catadores de lixo atendidos por associações e cooperativas, 758 pescadores e suas famílias com boa qualidade de vida, três comunidades indígenas onde não foi registrada nenhuma mortalidade infantil este ano e um grande incremento da produção de ervas medicinas, parte já atendendo ao Sistema Único de Saúde”, contabilizou Nelton.

O diretor da Agência Nacional de Águas, Paulo Lopes Varela, disse que implementar um sistema de gestão integrada no Brasil é um desafio. “Quero levar essa experiência para outras bacias hidrográficas espalhadas pelo país para que a população entenda que os avanços da comunidade estão bem mais nas mãos da população que do governo.”

agua-boa

Agência Brasil
Lúcia Nórcio
Enviada Especial

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.