Ministro recebe dirigentes do Equador para trocar experiências sobre aquicultura

Em uma rápida visita para conhecer a realidade da aquicultura brasileira, dois dirigentes equatorianos serão recebidos pelo Ministro da Pesca e Aquicultura nesta quarta-feira (03), em Brasília. O Subsecretário de Aquicultura daquele país, José Centanaro, acompanhado do Diretor de Projetos e Cooperação Internacional, David Pasquel, visitam o Brasil para repassar experiências na produção de camarão e levar daqui informações sobre os projetos de algumas espécies cultivadas no norte do país.

Depois da visita ao Ministro Altemir Gregolin, no entanto, as autoridades embarcam para o Ceará. O subsecretário Centanaro falará sobre o desenvolvimento da aquicultura no Equador, às 15h, no dia 04, no Instituto de Ciências do Mar – Labomar, na Universidade Federal do Ceará. Líder na produção de camarão na América Latina, o Equador produz 165 mil toneladas/ano, cerca de três vezes mais do que o Brasil. A palestra inicia às 15h, entrada gratuita, voltada a estudantes, pesquisadores, produtores e profissionais que atuam com a carcinicultura. De lá, antes de deixar o Brasil, eles visitam Porto Velho (RO) para conhecer experiências brasileiras na criação de pirarucu e tambaqui.

A visita dos dirigentes é uma ação da Rede de Aquicultura das Américas. O órgão foi criado em junho de 2009, durante reunião em Guayaquil, no Equador, quando o Brasil foi eleito país-sede e o Ministro Altemir Gregolin presidente do Conselho de Ministros. Para formalizar a criação da Rede e a adesão dos 35 países membros, que se unem para desenvolver o setor, será realizada reunião no dia 25/03 em Brasília.

MPA

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.