Uma tonelada de peixes mortos no Rio Piracicaba

Uma tonelada de peixes mortos – segundo pescadores e moradores da região de Ártemis – apareceu no rio Piracicaba e é levada pela correnteza desde domingo. A ocorrência da mortandade foi comunicada e verificada à Polícia Ambiental e à agência local da Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo).

Moradores e pescadores, que ontem (09/11) à tarde observavam a descida dos peixes mortos pela ponte de ferro de Ártemis, desconfiam que o problema tenha sido causado por despejo excessivo de resíduos de alguma indústria da região. Era possível ver poucos peixes ontem, embora fosse constante e não havia mau cheiro.

A Cetesb informou que foi ao local para investigar a reclamação e observou que na periferia de Piracicaba, próximo à ponte do Caixão, não havia ocorrência de peixes mortos. ‘Já na altura do Nauti-Clube, observou-se a existência de exemplares mortos. Descendo o rio, constatamos grande quantidade de peixes mortos boiando em seu canal preferencial. É difícil estimar a quantidade, mas pode-se afirmar que trata-se de número significativo, podendo alcançar a ordem de milhares’, respondeu a Companhia.

De acordo com a análise, o local é de baixa velocidade da correnteza, o que propicia uma depressão de oxigênio dissolvido acentuada, desestabilizando a qualidade das águas.

A análise concluiu ainda que, em virtude da incidência das fortes chuvas ocorridas na noite de sábado (7), pode ter ocorrido um aporte de carga orgânica, levando a condições críticas o nível de oxigênio dissolvido, por isso houve a mortandade.

Fonte = Instituto de Pesca
com informação de = Cosmo, (http://cosmo.uol.com.br/)

http://cosmo.uol.com.br/noticia/41144/2009-11-10/uma-tonelada-de-peixes-brmortos-no-rio-piracicaba.html

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.