Jaú de 70kg é apreendido na operação “Santa Tereza” realizada pelo Naturatins em parceria com a Polícia Militar de Alvorada


A equipe de fiscalização da Unidade Regional do Naturatins de Alvorada, em conjunto com a PM – Policia Militar de Alvorada, empreendeu, na manhã deste domingo, 1, uma operação para coibir a pesca predatória no Rio Santa Tereza, na região conhecida como “volta do rio”. Na ação foram apreendidos além de material predatório, um peixe Jaú de 70kg.

Durante o trabalho foi emitida multas para quatro infratores pegos com o material predatório. Durante a apreensão do peixe os fiscais não encontraram os infratores que evadiram do local ao perceberem a presença da fiscalização.

O gerente da unidade do Naturatins em Alvorada, Ismael Chalegre e o agente de Fiscalização Manoel Alves dos Prazeres, acompanhados dos policiais militares, Delmar Bezerra, Israel Monteiro e Mario Giuliard entregaram o pescado a Secretaria de Assistência Social do município que posteriormente será doado à população carente.

Peixe foi entregue a Secretaria de Ação Social de Alvorada

Pesca amadora
A pesca amadora está liberada no Tocantins, mas para praticar essa modalidade é necessário ter a carteira de pesca do Naturatins, que pode ser obtida nas agências do Banco do Brasil ou em uma unidade regional do Instituto. A taxa para obter a carteira para a pesca desembarcada, feita sem o auxílio de barco, é de R$ 15,96. Já a da categoria embarcada, que usa embarcações, custa R$ 42,50.

Na pesca amadora é proibida a captura de peixes com tamanhos inferiores ao permitido. Também é proibido pescar peixes como filhote, surubim, caranha, dourada, pirarara e pirosca. Cada pessoa pode pescar cinco quilos de pescado ou um exemplar de cinco quilos.Vale lembrar que quem for pego pescando com redes e tarrafas, terá o seu material apreendido e receberá multa que varia de R$ 700,00 a R$ 100 mil, mais R$ 10,00 por quilo de peixe pescado apreendido.

O Naturatins destaca que a prática da pesca de forma correta contribui para a preservação e manutenção dos estoques pesqueiros

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.