Japão disposto a concessões na caça a baleias em troca de pesca comercial

TÓQUIO — O Japão está disposto a reduzir sua cota de caça “científica” das baleias no Antártico em troca de uma autorização de pesca comercial dos cetáceos ao longo de sua costa.

A Agência de Pesca Japonesa informou que vai apresentar este compromisso na próxima reunião da Comissão Baleeiera Internacional (CBI).

No ano passado, na reunião da CBI em Portugal, o Japão ofereceu a redução do programa de pesca no Antártico, mas pediu autorização para caçar 150 pequenas baleias de Minke ao longo de sua costa.

A CBI, que reúne 85 países e deixou a decisão para 2010, impõe uma moratória ilimitada desde 1986 que proscreve a caça comercial da baleia, proibição que a Noruega por exemplo desafia abertamente.

A organização autoriza, com cotas limitadas, a caça em nome da “pesquisa científica”, praticada sobretudo pelo Japão com um objetivo de 1.000 baleias ao ano.

A campanha japonesa no Antártico provoca todos os anos muitas críticas internacionais.

(AFP)

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.