Ipem inicia fiscalização do pescado em Palmas

Os fiscais do Ipem/TO – Instituto de Pesos e Medidas do Estado do Tocantins realizam esta semana coleta de amostras para análise quantitativa do pescado comercializado em Palmas. A operação será realizada nesta quinta-feira, 11, e sexta-feira, 12, e envolve pescado congelado e resfriado (glaciado).

Além de conferir se o peso do produto confere com o especificado na embalagem, as amostras também serão submetidas à verificação da padronização do peso, de acordo com o que estabelece o Inmetro – Instituto Nacional de Metrologia, Normatização e Qualidade Industrial. O Inmetro estabelece que o filé de peixe deve ser comercializado em embalagens com 500g, 800g, 900g e 1kg. Já abaixo de 500g e acima de 1kg a comercialização é livre.

O presidente do órgão, Rui da Rocha Moreira, explicou que para a análise das amostras coletadas são convidados representantes das empresas envolvidas. Caso sejam constados produtos em desacordo com as exigências do Inmetro, a empresa será autuada e pode ser multada. Os valores variam de R$ 100 a R$1,5 milhão.

O Ipem é uma autarquia do Estado delegada pelo Inmetro para fiscalizar, verificar e certificar a qualidade de produtos e de instrumentos de medição como balanças, taxímetros e bombas de combustíveis, assegurando ao consumidor produtos confeccionados e aprovados de acordo com as NBR – Normas Brasileiras Ipem – Instituto de Pesos e Medidas do Estado do Tocantins

Fonte: Assessoria de Imprensa Ipen

Veja também

Projeto Prorobalo Unesp de Registro capacita guias de pesca

É promovida a prática da pesca amadora responsável Projeto da Unesp de Registro vem promovendo …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.