Instituto presidido por Almir Sater irá limpar 200 km de rio em MS

O Instituto Parque do Pantanal, que tem como presidente o cantor Almir Sater, inicia nesta sexta-feira (27) projeto que irá envolver 80 pescadores profissionais na limpeza de um trecho de 200 km do rio Aquidauana.

Intitulado ‘Mondego’, o projeto irá contar com 30 barcos e quatro lanchas do tipo chalana, que serão utilizadas pelos pescadores da colônia Z-7, de Aquidauana, município que fica a 138 quilômetros de Campo Grande.

Durante os trabalhos, os pescadores irão coletar o lixo que está depositado nas margens do rio e na bacia. Além dessa ação, explica o zootecnista da Gerência de Produção e Meio Ambiente da Prefeitura, Roberto Valadares, será feito trabalho de educação ambiental para conscientizar a população.

O lixo recolhido será depositado em 14 pontos de retirada espalhados pelo percurso, e caberá aos pescadores o trabalho de reciclagem.

A operação deve durar cerca de seis dias, e os pescadores irão se encontrar em na ponte do rio Taquarussu, às 7h da sexta-feira. O término dos trabalhos será em um ponto conhecido como ‘Barra’, no rio Miranda.

O projeto é feito em parceria com a prefeitura de Aquidauana, a Seprotur (Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrário da Produção da Indústria do Comércio e do Turismo) e a Polícia Militar Ambiental.

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.