Ibama terá uma base no aeroporto internacional de Guarulhos em São Paulo

A decisão do Ibama de implantar uma base operativa no Aeroporto Internacional de Guarulhos visa intensificar o controle sobre a importação e exportação dos produtos sujeitos à anuência do Instituto, a partir de uma cooperação mais estreita com a Receita Federal, Ministério da Agricultura e Agência Nacional de Vigilância Sanitária.


Com a medida haverá um reforço na ação direta e conjunta das diretorias de Qualidade Ambiental e de Proteção Ambiental do Ibama para atender com mais eficácia as demandas afetas ao Aeroporto Internacional de Guarulhos, que abriga o maior terminal de logística da América do Sul.


O diretor de Qualidade Ambiental do Ibama, Fernando Marques, assegura que haverá uma efetiva atuação da diretoria no controle das anuências de comércio exterior de competência do órgão.


Será estabelecida uma fiscalização de rotina por parte do Ibama no aeroporto visando comércio ilegal de substâncias contaminantes, fauna, flora, resíduos sólidos, entre outros. Além de maior atenção no atendimento aos protocolos internacionais dos quais o Brasil é signatário, a exemplo da Convenção de Basiléia e Roterdã.


Guarulhos é o segundo aeroporto no estado de São Paulo onde o Ibama vai operar com base fixa. Em Viracopos o projeto já está em sua segunda fase com a implantação do programa piloto de execução das atividades de controle.


Segundo o superintendente do Ibama em São Paulo, Murilo Reple, a implantação do projeto em São Paulo vem demonstrando uma nova nova fase nas ações de controle.


O próximo passo será a criação de bases do Ibama em portos secos e fronteiras secas, os diagnósticos já estão sendo realizados.


Ascom/Ibama

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.