Ibama intensifica a fiscalização em Minas Gerais em 2011

Dentre as prioridades para este ano, foram destacadas as ações que estão previstas para coibir ilegalidades em diversas áreas

Intensificar as ações de fiscalização em 2011, aumentando o volume de ações em pelo menos 10% do realizado no ano passado. Essa foi uma das metas traçadas durante o encontro estadual dos agentes ambientais federais do Ibama em Belo Horizonte. A reunião apresentou também os resultados da área em 2010.

Dentre as prioridades para este ano, foram destacadas as ações que estão previstas para coibir ilegalidades nas áreas de carvão, desmatamentos do cerrado, mata atlântica e caatinga. Estão também na mira do Ibama grandes criadores de animais silvestres, agrotóxicos contrabandeados ou sem registro, garimpos sem autorização, defeso da pesca, tráfico de animais silvestres e a fiscalização de madeira oriunda da Amazônia.

Participaram do encontro 55 agentes de todo o estado. Segundo o responsável-substituto do Núcleo de Fiscalização (Nucof) do Ibama/MG, Gustavo Guimarães Alves, foram tratados temas importantes para otimizar os trabalhos do Nucof. A Coordenadora de Informações sobre Ilícitos Ambientais do Ibama, Lívia Karina Passos Martins, discorreu sobre a criação do Núcleo de Inteligência na Supes/MG, a parceria com a Agência Brasileira de Informação (Abin), além do Programa Nacional de Proteção ao Conhecimento Sustentável.

O responsável pelo Núcleo de Fiscalização de Minas, Aristides Salgado Guimarães Neto, falou sobre a mudança de paradigma da fiscalização e os resultados alcançados pela área no ano passado. Foram realizados cerca de 95% do que foi proposto pelo Plano Nacional Anual de Proteção Ambiental (PNAPA/2010).

A reunião contou com a presença do superintendente-substituto do Ibama em Minas Gerais, Marco Túlio Simões Coelho. Participaram ainda a coordenadora da Procuradoria Federal Especializada do Ibama/MG, Gabriela Ayres Furtado, que tratou da atuação da PFE no órgão e de sua interface com a fiscalização. O responsável pelo Núcleo de Recursos Florestais Ibama/MG, Júlio César da Silva, fez apresentação sobre o curso de fiscalização ambiental e as ferramentas para a fiscalização dos recursos florestais.

Nucof Ibama/MG

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.