Ibama comemora 20 anos

O ano de 1989 foi pródigo em fatos marcantes, sendo o início de grandes mudanças na forma de pensar o mundo. Além da queda do muro de Berlim e do início da World Wide Web – www, um dos principais eventos daquele ano foi a criação do Ibama. De lá para cá, vários paradigmas da sociedade se modificaram e a temática ambiental ganhou corpo, sendo incorporada no dia-a-dia das pessoas.

Em seu 20° aniversário, o Ibama tem muito a comemorar. O instituto ajudou a diminuir os índices alarmantes de desmatamento e as emissões dos gases automotivos; auxiliou espécies ameaçadas de extinção a se recomporem na natureza; instituiu o Documento de Origem Florestal – DOF, que permite maior controle sobre o transporte de madeira legal; ajudou o Brasil a se desenvolver de forma consciente com a emissão de licenças para construção de grandes obras; ajudou a disseminar a temática ambiental para a sociedade; entre muitas outras ações importantes para a manutenção dos recursos naturais, em defesa do meio ambiente e da sustentabilidade.

Havia, no final da década de 80, a percepção de que algo diferente deveria ser feito em relação ao tema. A Conferência de Estocolmo, realizada em 1972, chamou a atenção do mundo para a gravidade da situação na área ambiental. O Brasil, signatário da Declaração de Estocolmo, criou, no ano seguinte ao da conferência, a Secretaria Especial do Meio Ambiente – SEMA, órgão responsável pelo início da construção de uma política ambiental brasileira. Como órgãos de fomento, haviam sido instituídos anteriormente a Superintendência da Pesca – Sudepe, em 1962, e, em 1967, a Superintendência da Borracha – Sudhevea e o Instituto Brasileiro de Desenvolvimento Florestal – IBDF. Mas não era o suficiente para consolidar a execução de práticas com vistas à disseminação da manutenção dos recursos naturais ou do desenvolvimento sustentável.

O ano de 1988 foi catastrófico para o meio ambiente no Brasil. O índice de desmatamento ilegal nunca havia sido tão grande. O então presidente José Sarney, ciente da necessidade de uma modificação na estrutura ambiental brasileira, instituiu o Ibama, em 22 de fevereiro de 1989, com a junção da Sudepe, da Sudhevea, do IBDF e da SEMA. Havia, agora, um órgão federal com atribuições de executar a política ambiental de forma integrada e focado na gerência dos recursos naturais, assegurando-os para as gerações futuras.

O resultado desse trabalho iniciado há 20 anos, hoje dá frutos. É por isso que o Ibama é reconhecido como um dos principais pilares brasileiros quando o assunto é meio ambiente, uma vez que as ações do instituto atingem diretamente a todos os brasileiros. Afinal, a natureza é o que temos de mais importante.

Ibama, 20 anos cuidando do Brasil.

Fonte = Ibama

Guia da Pesca parabeniza o Ibama, seus dirigentes, fiscais e funcionários pelo trabalho ao longo desses 20 anos.
Pescadores, vale lembrar, que nos temos uma responsabilidade muito grande com a conservação do meio ambiente.

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.