Ibama apreende mais de sete toneladas de peixes no defeso no Rio Amazonas

Agentes ambientais federais do Ibama e policiais civis do Pará apreenderam no dia 13/03 duas embarcações carregadas de peixes das espécies pacu, aracu, e curimatã. O período de defeso da piracema destas e de outras espécies termina hoje na bacia amazônica. As embarcações, que vinham de Parintins/AM, levariam o pescado até Breves/PA.

Nenhum dos barcos tinha autorização válida para transportar os peixes. As mais de sete toneladas de peixes apreendidos foram doadas para os batalhões de Polícia Militar em Santarém, para o Corpo de Bombeiros, para o Sistema Penitenciario, para o Asilo São Vicente de Paula, a Apae, e também distribuído para a população em um bairro da periferia de Santarém.

Segundo o chefe da fiscalização do Ibama em Santarém, Givanildo Lima, “o defeso é fundamental para a suntentabilidade da atividade pesqueira, que é de extrema importância econômica na região. Por isso, até o último dia do defeso, as equipes de fiscalização do Ibama estarão atuando com todo o rigor para combater a pesca predatória”.

Ibama/Santarém/PA

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.