Fiscais apreendem redes e lagosta no mar de Marataízes no ES

LagostasVitoria (25/08/2009) – Mais uma apreensão é realizada no mar de Marataízes por fiscais do Ibama. A Operação Impacto Profundo II autuou duas embarcação por realizarem pesca predatória e capturarem lagostas abaixo do tamanho mínimo permitido, As multas somadas chegaram a R$ 19 mil.

Segundo o coordenador da Operação, a primeira embarcação foi autuada pois estava utilizando cinco mil metros de rede caçoeira, proibida por lei, e teve o material e 100 quilos de lagosta apreendidos. A multa para o proprietário do barco foi de R$ 7 mil. A segunda embarcação estava pescando lagosta utilizando o compressor, também proibido por lei. Além da apreensão do material, os fiscais encontraram no barco cinqüenta quilos de lagosta, todas abaixo do tamanho permitido. Quarenta quilos do pescado ainda estava vivo e foi devolvido ao mar.

A utilização de rede caçoeira e compressor é proibida por lei desde 2007. A secretaria de Pesca, atendendo determinação do Decreto Presidencial nº 6.241/07, comprou todo o material dos pescadores para dar subsídios para que os mesmos adquirissem novos apetrechos de pesca que atendessem as determinações técnicas e não causassem danos ao meio ambiente.

Após os autos, os fiscais do Ibama doaram toda a lagosta apreendida, que não pode ser devolvida ao mar, para o Lar dos Idosos de Piúma e a Casa de Passagem de Anchieta, que cuida de crianças que sofreram maus tratos ou foram abandonadas por seus pais.

Mais ações da Operação Impacto Profundo II serão realizadas durante esta semana no litoral sul do Espírito Santo.

Luciana Carvalho
Ascom Ibama ES

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

um comentário

  1. Aline do Vale Barreto

    Gostaria de saber se no litoral do Espirito Santo já foi capturada a logostinha Panulirus echinatus? conhecida como lagosta pintada , nome em inglês é “Brown spiny lobster”
    e qual o tamanho que foi capturada?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.