Estudantes exploram Reserva Marinha de Cururupu em Feira


Estudantes do ensino fundamental exploram o potencial social, turístico e ambiental da Reserva Extrativista Marinha de Cururupu, criada em 2 de junho de 2004 e situada no litoral norte do Estado do Maranhão, na I Feira de Ciências da Rede de Ensino Público Municipal de Cururupu, realizada esta semana na Unidade Escolar Professora Silvana Cunha, naquele município.

A feira envolveu 18 estabelecimentos de ensino de Cururupu, que em cima do tema “Reserva Extrativista Marinha de Cururupu – Um Paraíso Pouco Conhecido”, possibilitaram seus alunos a fazerem, através de criativos estandes, uma viagem de pesquisa a essa reserva que abriga o Arquipélago de Maiaú, com inúmeras ilhas e praias oceânicas, habitadas e solitárias, entre elas a lendária Ilha de Lençóis – inclusas na rota do turismo nacional e internacional.


A Feira de Ciências foi organizada pelas secretarias municipais de Educação e do Meio Ambiente, apoiada pela Prefeitura de Cururupu.

Foram pesquisados e expostos 21 sub-temas integraram, cada um apresentado por uma escola. Os estantes tomaram como base os sub-temas da Feira de Ciências, entre eles: Floresta dos Guarás, Pesca Predatória, Poluição Ambiental, Mariscos e Crustáceos – como fontes de alimentação, Poluição Ambiental, Energia Alternativa, Reciclagem do Lixo, Apicultura nos Manguezais, Parcel de Manoel Luís, Farol de São João, Berçário da Ilha de Flexa, Amazônia Legal, Pesca Artesanal, Aquecimento Global, Ser Humano e o Impacto Ambiental, Riquezas Marinhas em Extinção, Arte Vinda dos Manguezais, Fabricação Artesanal de Embarcações, dentre outros.

Questão ambiental – O prefeito José Francisco Pestana, afirmou que a Feira de Ciências foi uma bonita aula prática sobre a Reserva Extrativista Marinha de Cururupu. “Os estudantes, através de suas pesquisas, e a população que visitou os estantes, puderam ver o potencial do nosso litoral, tanto no aspecto turístico, como social e a questão ambiental, que preocupa a todos”.

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.