Embrapa no Tocantins

O processo de instalação da sede da Embrapa no Tocantins foi o principal assunto da visita do secretário nacional de Planejamento de Aquicultura e Pesca, José Claudenor Vermohlen, ao presidente da Assembléia Legislativa, deputado Júnior Coimbra (PMDB). O encontro aconteceu na manhã dessa quinta-feira, dia 29, no gabinete da Presidência, e contou com a presença do secretário da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Roberto Sahium, do presidente do Naturatins – Instituto Natureza do Tocantins -, Stalin Júnior, do chefe de Pesquisa e Desenvolvimento da Embrapa – Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária -, Ariovaldo Luchiari, além de técnicos e dos deputados Stalin Bucar (PR) e Marcello Lelis (PV).

Na visita, o secretário nacional apresentou aos deputados a decisão do Presidente da República, Luis Inácio Lula da Silva, de instalar o Centro Nacional de Pesquisas, Pesca, Aqüicultura e Sistemas Agrícolas da Embrapa no Tocantins. Ele explicou que a escolha do Estado para sediar o centro de referência foi devido ao potencial econômico, as características naturais e recursos hídricos, além do interesse do Governo em atrair o investimento.

Embrapa

Com a instalação da sede nacional em Palmas, o Estado passará a ser um pólo de desenvolvimento para todo o Brasil, o que representa um crescimento científico e tecnológico da região, além do fortalecimento econômico”, explicou Claudenor Vermohlen. Ainda no encontro, o secretário nacional pediu apoio dos deputados com relação à votação do projeto que dispõe sobre a doação da área para a empresa, para início das obras.

Ao afirmar o interesse dos parlamentares em contribuir com o processo de instalação da empresa, Júnior Coimbra confirmou a votação de um projeto nesse sentido na próxima semana. “A matéria será encaminhada pelo Executivo para apreciação e votação em regime de urgência. A nossa intenção é agilizar esse trâmite para que a obra seja iniciada e concluída o mais rápido possível, a fim de alavancar o processo de desenvolvimento do nosso Estado”, destacou Júnior Coimbra.

A obra contará com investimentos na ordem de R$ 12 milhões e será referência para as outras unidades da Embrapa, gerando 100 empregos diretos, via concurso público previsto para dezembro deste ano, e cerca de 2.000 indiretos. A sede nacional deve ser instalada no Centro de Produção e Pesquisa de Peixes Nativos – CPPPN -, em Palmas

Fonte: AL

Veja também

Goiás – Lei da Cota Zero será renovada por mais três anos

Os rios goianos são, sem dúvida, um dos maiores patrimônios de Goiás. A biodiversidade e …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verificação Segurança (obrigatorio) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.